sábado, 11 de agosto de 2012

MESTRE OPHELIUS - CONTANDO AS BÊNÇÃOS




CONTANDO AS BÊNÇÃOS
Mestre Ophelius
Recebido por Chris
Michigan, Estados Unidos
15 de Julho de 2012



Mestre Ophelius: 

Hoje é um dia para contar as bênçãos, pois cada um de vocês tem muito a agradecer, tergratidão e apreço por tudo o que há – esta vida de surpresas, maravilhas, esta jornada através do sofrimento e da alegria, que foi preparada para que vocês possam participar da criação do Universo.

Muitas vezes é difícil ver como vocês são verdadeiramente abençoados, quando estão tão imersos nos assuntos do mundo material e assim devemos, algumas vezes, parar e silenciarmos a mente e trazer-nos à quietude do momento, expandir a nossa mente, nossos pensamentos, nossos sentimentos e alcançarmos este plano mais elevado e vermos as nossas próprias vidas e partir da perspectiva do Criador e, quando fizermos isto, sentiremos o amor incondicional – este sentimento de verdadeira unidade, que pertencemos à família de Deus.

Não é surpreendente, meus amigos, quando paramos e vemos a vida a partir de uma perspectiva mais elevada? Quando vocês consideram que esta vida que têm agora é somente o início de uma jornada interminável de surpresas, milagres e crescimento? Não vêem como este início é a aclimatação, a exigência do pré-requisito fundamental para a eternidade?

Não sentem o quanto evoluíram – olhem para trás e vejam como o fizeram – passo a passo, sendo conduzidos para onde estão hoje – para terem mais autocontrole sobre o ego, para deixarem ir toda a negatividade e conflitos que este mundo pode infligir a sua mente e atitude perante a vida, a si mesmo e aos outros?

Paremos agora e consideremos as nossas bênçãos e sejam gratos por tudo o que vocês são e tudo o que se tornarão. 

Sejamos gratos pelas oportunidades que abundam em nossas vidas e que tenhamos o controle completo sobre a nossa vontade para escolhermos qual o caminho que iremos percorrer.Compreendam que nenhuma outra pessoa, instituição ou entidade os controla, ou ao seu destino, mas que lhes foi dada a liberdade de criar qualquer realidade que optarem por ter nesta vida e na eternidade. 

Sim, a jornada pode ser difícil de percorrer algumas vezes e a vida parecer árdua, mas não vêem como estas adversidades se tornam a coisa que os liberta e lhes dá a capacidade de valorização do contraste – caírem nos maiores abismos e então voarem cada vez mais alto?

Que criaturas surpreendentes vocês são para experienciarem a vida tão dinamicamente!

Alguma vez já experienciaram o verdadeiro amor – sentir e compartilhar com o outro a expressão mais íntima de abnegação, carinho e paixão? Caso não o tenham feito, então permanece uma oportunidade para que vejam o reflexo do Criador nos outros e isto está esperando para que busquem e encontrem.

O Criador quer que vejam e descubram este verdadeiro amor nos outros, para que tenham uma apreciação do amor supremo, o amor divino que existe entre o Pai e o filho – Deus e o Filho criado. O amor que vocês experienciam nesta vida é somente uma antecipação do “imenso amor’ que irão experienciar quando se interiorizarem e encontrarem o Deus de toda a criação. Quanto mais próximo chegarem, mais resplandecerão com este brilho divino que une os universos.

Parem agora e considerem todas estas bênçãos. 
Obrigado, Deus, por me dar a vida!

Que a Paz esteja com vocês,

“O Círculo dos Sete.”

Grupo de Progresso 11:11.


A doação de si mesmo, a iluminação da verdade e o alívio do sofrimento são os caminhos mais nobres para a consciência mais elevada
Mestre Ophelius.



http://1111prompt.blogspot.com
Tradução: Regina Drumond 
reginamadrumond@yahoo.com.br