domingo, 22 de abril de 2012

SEU MUNDO EMOCIONAL ESTÁ TUMULTUADO?



SEU MUNDO EMOCIONAL 
ESTÁ TUMULTUADO? 
Canalizadora: Brenda Hoffman
20 de Abril de 2012



Queridos,

Vocês estão deixando ir muitas partes de sua Velha vida.

Alguns de vocês estão animados para fazê-lo.
Outros sentem como se partes suas fossem arrancadas de vocês.

À medida que avançarem nesta Nova Era, tais mudanças tornar-se-ão mais fáceis. Entrar na alegria requer a revisão de todas as partes do seu ser – incluindo aquelas que não são mais adequadas para o novo você. Mas ao fazerem isto, vocês poderiam se perceber liberando partes que acreditavam serem a sua força, propósito ou alegria.

Com alegria agridoce, vocês podem estar deixando ir partes e pessoas que uma vez pensaram que estariam para sempre em sua atual vida na Terra. Ou podem achar que aquelas partes ou pessoas que achavam que partiriam, estão se tornando uma parte amorosa de sua nova vida. É tudo muito confuso. Aquilo que pensavam que permaneceria está partindo. E aquilo que pensavam que partiria, está permanecendo.

Seu mundo emocional pode estar em uma reviravolta que vocês não anteciparam quando aceitaram o seu papel na Nova Era/Nova Terra.  

Talvez estejam desejando retornar ao que era. Isto não é possível. Como os primeiros pioneiros, vocês foram muito longe para voltarem atrás e, ainda, não o suficiente para colherem plenamente os frutos da sua nova vida.

Vocês têm muito mais habilidades do que era verdade, até há alguns meses. Mas estas habilidades ainda não lhes permitem criar os relacionamentos que estão começando a desejar. Estas habilidades devem ser desenvolvidas.

Vocês estão começando a experienciar a alegria através das suas habilidades de manifestação –estão descobrindo que se pensarem em um objeto ou atividade, isto logo aparece. Mas têm ainda que dominar a totalidade da manifestação. Estes objetos ou atividades que estão manifestando agora podem ser surpreendentes para vocês, mas muitas vezes são esquecidas, porque as suas manifestações não são tão “grandes”.

Se vocês pudessem criar uma mansão de 200 quartos, apenas ao erguerem o seu braço, acreditariam em seus poderes de manifestação. Em vez disto, vocês estão criando o ambiente que acabará por produzir uma bela casa ou encontrar a roupa que buscavam. Sem grandes manifestações, mas pequenas sincronicidades que estão começando a criar a vida de facilidades com que sonharam.

Um pouco como a mãe de João e o Pé de Feijão, que joga fora os feijões mágicos de Jack, porque ela não poderia imaginar as recompensas gloriosas que o pé de feijão iria produzir. Seus feijões mágicos estão brotando. E o seu pé de feijão amadurecido será óbvio em um futuro não muito distante. Enquanto isto, muitos dos seus entes queridos estão deixando a Terra. Talvez vocês sintam que os seus feijões mágicos não mantenham a alegria sem este determinado alguém. 

Por favor, lembrem-se de que todas as entidades estão em caminhos exclusivos que levam ao mesmo lugar – mas não da mesma maneira ou tempo.

Naturalmente, vocês lamentam pelos seus entes queridos que deixam a Terra – vocês são humanos. Na verdade, a Nova Era expandiu a sua humanidade, incentivando-os a sentir mais. Esta é a dicotomia da dor que vocês sentem pelos entes queridos que deixam a terra antes que vocês se sintam confortáveis com eles ao fazerem isto. Vocês estão ansiando em interagir fisicamente com os entes queridos que deixaram a Terra. Isto não é possível.

Não importa quantos véus dimensionais se elevem, os seus entes queridos nunca mais estarão na forma física nesta existência. Vocês podem mudar a sua dimensão para interagir com eles em um formato confortável para ambos – mas os seus entes queridos não podem retornar a forma física sem um renascimento.

Ainda que vocês tenham um corpo físico, em breve – se não já está acontecendo – vocês “viajarão” para outras dimensões e irão interagir com os seus entes queridos em um local de encontro apropriado. Vocês têm os feijões mágicos. Vocês apenas não permitiram ainda que estes feijões se desenvolvam no pé de feijão que os transportará através dos véus dimensionais.

Seus entes queridos deixam a Terra quando é correto para eles. Eles não fazem isto para deixá-los solitários ou incapazes de enfrentar. Eles continuam a estar com vocês de muitas maneiras. Vocês apenas não podem discernir ainda os seus novos métodos de interagir com vocês – mas em breve vocês os conseguirão.

A nossa discussão é reconfortante para aqueles que perderam recentemente um ente querido?
Muito provavelmente, não.

Vocês choram e se lamentam porque os seus entes queridos foram tirados de vocês. Ainda não entenderam que eles queriam/precisavam partir para cumprir o seu papel na Nova Era. Ainda que a dor e o medo permaneçam parte do seu repertório emocional, ambos são agora pintados com cores menos vibrantes. A alegria é a cor mais vibrante possível.

Vocês irão se lamentar por anos? Talvez – mas não provavelmente. Pois quando se acostumarem à transição do seu ente querido, irão compreender a beleza desta pessoa, sabendo que vocês foram capazes de viver na Terra sem eles. Um pouco como desejar que o seu professor do primeiro ano os seguisse de ano a ano, somente para descobrir que a informação oferecida pelos seus novos professores é mais do que o seu professor do primeiro ano é capaz de ensiná-los.

Isto significa que aqueles que perderam um ente querido irão despertar amanhã com alegria, porque ele fez a transição? Não. Mas vocês compreenderão eventualmente que são plenamente capazes de viver com alegria sem a sua presença física. Pois tentar se apegar a eles emocionalmente é reduzir o seu aprendizado durante esta maravilhosa transição.

Seu ente querido não foi “mau” para vocês – apenas um trampolim para o seu glorioso ser da Nova Era. Sim, vocês podem se comunicar com eles em seus estados de sono e de vigília – e farão isto mais e mais, enquanto expandem as suas habilidades da Nova Era. Mas esta comunicação nesta vida nunca mais será física. Nem vocês irão encontrar a necessidade de confiar na sabedoria deles mais do que na sua.

Talvez seja difícil ler estas palavras, pois a entidade da qual estamos falando possa ter sido o amor de sua vida. Seu ente querido os liberou para que possam avançarPor sua vez, eles liberaram o seu corpo físico para que eles possam avançar. Isto não quer dizer que vocês não possam se lamentar. O luto é uma emoção que seja talvez mais colorida agora do que era verdade, quando era uma imposição da sociedade.

Chorem por meses, se isto lhes parecer adequado.
Ou continuem com a sua vida se isto estiver correto para vocês.
Não há regras para o luto ou a recuperação.
Há apenas vocês.

Seus entes queridos partiram porque era o momento para eles fazerem isto.
Nada mais, nada menos.

Que assim seja. 
Amem. 


www.LifeTapestryCreations.com  
Traduzido por: Regina Drumond Chichorro 
reginamadrumond@yahoo.com.br  
Fonte: Luz de Gaia