quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

O OBJETIVO DO VERDADEIRO CAMINHO ESPIRITUAL



O OBJETIVO DO VERDADEIRO
CAMINHO ESPIRITUAL
Uma Mensagem de Leonard Jacobson
24 de Agosto de 2010


( Nota Stela :  Mensagem postada em 17 de junho de 2011 )

Por que alguns Caminhos são tão aparentemente complexos, e outros tão aparentemente simples, enquanto o “objetivo” é o mesmo?

Por que eu sou atraído para diferentes Caminhos, e como posso me concentrar no que é Verdadeiro?


Resposta de Leonard:

Você diz que o objetivo de cada caminho é o mesmo. Qual é o objetivo? Se você tem realmente certeza em relação a isto, será lançada mais luz no caminho que for mais adequado para você. O que é que você está buscando no caminho? Como você saberá quando tiver chegado ao objetivo?

De algumas maneiras, seria melhor para você se eu interromper neste ponto e deixar que você medite sobre isto e chegue a sua própria resposta.

Mas eu prosseguirei.

O objetivo do caminho espiritual é simples.

É o despertar do mundo ilusório da mente humana para a verdade e a realidade da vida, vivida no momento presente.

O mundo da mente é um mundo do passado recordado e do futuro imaginado. É um mundo da ilusão e, entretanto, quase todos neste planeta acreditam neste mundo ilusório como a verdade da vida.

A simples verdade é que não há vida fora do momento presente.
É impossível viver a vida fora do momento presente.
Devemos chegar a um acordo com esta simples verdade
.

Eu não quero dizer que a vida no nível da mente pensante deveria cessar. Isto não é possível, não desejável. O que é possível, entretanto, é que nos tornemos tão despertos e intensamente ancorados no momento presente e no estado desperto do Ser, que nunca percamos a nossa conexão com a verdade da vida, até quando nos aventuremos no mundo da mente.

Em outras palavras, não mais acreditarmos em nossos pensamentos, memórias, idéias, crenças e opiniões, como verdade. Sabemos que somente este momento é a verdade e tudo o mais é um tipo de jogo dentro do tempo.

O mundo da mente desenvolveu a sua própria versão de Deus.
É o ego e ele está profundamente comprometido em estar no controle de sua vida.

Inicialmente, a sua motivação era protegê-los neste mundo de ilusão dolorosa. Mas, eventualmente, isto se transformou em um profundo compromisso de proteger o seu ser, para garantir a continuação de seu papel dominante em sua vida. O ego gosta de se sentar no trono de Deus e não desocupará o trono facilmente.

O ego quer se elevar de qualquer modo que possa. Ele partirá feliz no caminho espiritual, porque ele aprecia o sentimento de que está se tornando mais espiritualizado. Ele ama o conhecimento espiritual e o poder. Ele continuará no caminho, contanto que continue a acumular mais conhecimento espiritual ou poder.

Em outras palavras, o ego está se tornando espiritualizado, o que é mais inútil para quem está verdadeiramente empenhado no pleno despertar.

Se acontecer de vocês se aproximarem muito da verdade ou de ser um verdadeiro professor, o ego os fará sair de lá o mais rapidamente possível. Ele os fará ler outros livros e visitar outros professores. Em outras palavras, o ego precisa de vocês para continuar a ser o buscador(*). Ele não quer que vocês atinjam o objetivo.

E novamente, qual é o objetivo?
O objetivo é ficar quieto e silencioso.

Estar desperto no momento presente e se conhecer como aquele que está plenamente presente. Conhece-se no Silêncio. Nada lhes resta do passado ou do futuro. Não há pensamentos. Apenas uma Presença silenciosa, em um corpo vivente, que está plenamente presente com aquilo que está presente.

Conheçam este estado de Presença apenas por alguns momentos e estarão livres. Não há mais busca.

Quando vocês se tornarem mais ancorados e estabelecidos no momento presente, toda a sua vida começará a mudar. A dimensão Eterna da existência começará a se revelar através do portal do momento presente.

Eu falo com alguns detalhes sobre como se tornar presente e permanecer presente nos três livros que escrevi (*). Eu não posso repeti-los aqui, mas sugiro que acharão mais fácil e esclarecedor ao lê-los.

(*) Nota Stela - pesquisei, e só encontrei os livros em ingles:
"Journey Into Now: Clear Guidance on the Path of Spiritual Awakening"
"Words from Silence: An Invitation to Spiritual Awakening"
"Embracing the Present: Living an Awakened Life"

Agora, voltemos para esta parte de sua pergunta sobre o verdadeiro caminho.

Cuidado com os caminhos que os preenchem com muito conhecimento espiritual. Vocês estão apenas alimentando o seu ego.

Cuidado com os professores que se elevam acima de vocês. Observem as suas ações e a sua apresentação, e não apenas o que eles dizem. Alguns professores dizem que eles não querem seguidores, e, entretanto, eles estão cercados pelos seguidores.

Acautelem-se com as muitas práticas. Nenhuma prática os libertará. Estar presente é imediato. É o agora. Lembrem-se apenas de estar presente com aquilo que estiver presente e vocês serão livres, pelo menos, neste momento. A cada momento que não estão presentes, não estão despertos. É muito simples.

A tradição do Advaita Vedanta (sistema ortodoxo de filosofia da Índia) é simples e muito valiosa. Através de um processo de auto inquirição, vocês podem se libertar do mundo ilusório da mente e do ego, para um estado de consciência pura. Este estado de consciência pura é a Presença EU SOU da qual eu falo em meus livros. É uma experiência de inexistência. É a essência e a fonte de toda a existência.

Despertar para a consciência pura é atingir a libertação, mas eu notei com alguns dos seguidores da tradição Vedanta que participaram dos meus workshops, que há muitas vezes uma compreensão errônea sobre a verdadeira natureza da existência. Há uma tendência para rejeitar a forma manifestada como ilusória na natureza. Isto é inútil, para o que é a circunstância de viver em um mundo de ilusão. Nós poderíamos também partir.

Deus é tanto o tudo quanto o nada.
Tudo na forma física é o Corpo de Deus.
É Deus como tudo.

Quando estou no nível mais profundo da Presença, eu estou no Nada. Eu Sou o Nada. O Nada é outra palavra para a Presença plena e silenciosa. É outra palavra para a Presença EU SOU de Deus. É a consciência pura sem a forma e sem o conteúdo.

O equilíbrio perfeito entre Deus como tudo e Deus como nada, é expresso em uma linha do meu terceiro livro, “Ligando o Céu e a Terra”, que afirma simplesmente: “Quando eu estou no nada, Deus está em tudo.”

Temos que ser cuidadosos para não fazermos do “nada”, outro conceito a que o ego se apega. É uma ótima maneira de garantir que vocês nunca despertem. Estamos aqui para despertar para a plena Presença e para contemplarmos a beleza da criação de Deus. Quem somos nós para julgarmos o Corpo de Deus como uma ilusão?

A ilusão da qual precisamos despertar é o mundo da mente pensante, que inclui todos os nossos conceitos e conhecimento espiritual.

Mesmo o caminho espiritual provará, em última análise, ser uma ilusão.

Finalmente, vocês podem perguntar como podem se concentrar no que é Verdadeiro.

Concentrem-se apenas no que está aqui agora.

Se puderem vê-lo, ouvi-lo, senti-lo ou experimentá-lo, podem se concentrar nele. Concentrar-se naquilo que está verdadeiramente aqui e agora (presente) com vocês, os levará à verdade da vida.

A árvore ou a flor a sua frente tem mais poder para torná-los presentes do que todos os livros no mundo e todos os professores que já existiram.

Tudo o que vocês têm a fazer é se fazerem presentes com aquilo que está presente.

_____________________________________

Direitos Autorais Leonard Jacobson
Para mais informações, visite:
http://www.leonardjacobson.com
Tradução: Regina Drumond
reginamadrumond@yahoo.com.br