sábado, 27 de agosto de 2011

CAMINHANDO, INTUINDO E ATRAINDO





Cada vez que você faz um pedido ou emite um desejo essa realidade já está acontecendo com um fragmento de si mesmo, à frente no caminho.

E, intercalado com o seu desejo a sua intuição fareja a manifestação logo ali adiante. Ocorre uma força mágica e telepática que ao mesmo tempo em que lhe leva a pensar e sentir de determinada forma, lhe encaminha a ser um canalizador de eventos que estão alinhados à sua vibração.

A lei da atração age numa via de mão dupla em seu percurso vibracional. No momento em que você deseja, pensa, afirma, imagina... Aquela manifestação se liga a você em direção ao seu ser que está em um eterno estado de vir a ser.

Se nos lembrarmos de cada desejo genuíno que já tivemos na vida, observaremos que todos eles foram realizados.

A realização nasce do núcleo celular de cada desejo, ou seja, ela se manifesta a partir da raiz do desejo original e não dos fragmentos de desejos que você constrói depois de cada manifestação. Há uma diferença entre uma proposta maior advinda da alma e uma proposta encontrada no caminho como uma bifurcação que o levará para um âmbito maior no percurso de sua vida.

Pense agora num desejo que não tenha sido realizado em sua vida; qualquer um...

Você perceberá que este beco sem saída fez brotar outros novos desejos no seu coração que lhe trouxe a este ponto de vibração e conexão para dar abertura a uma proposta mais ampla. Caso você esteja insistindo em um desejo que já esgotou todas as chances de realização, ainda assim, no futuro você será grato pela não realização.

Quando não realizamos um desejo é porque a fonte está nos ensinando a desejar/conquistar com mais exatidão. É através desta não realização e do contraste em sua vida que você parte em busca de algo maior e melhor.

Cada evento está aperfeiçoando a sua vibração para que ela atinja o ponto máximo de felicidade em cada etapa da sua vida. Muitas vezes, nos inquietamos com a demora da realização, porém a alma está em busca da evolução e da nitidez de sua vibração para que uma realidade plena e feliz possa lhe favorecer com perfeição.

A alma não faz nada pela metade, pelo contrário, ela ajusta nossos mecanismos de recepção e emissão de energia para alinhar um desejo ao processo ajustado e refinado que propõe para a nossa vida uma felicidade abrangente e plena.

“O desejo provavelmente está buscando expressão” -Ralph Waldo Emerson

Se a realização ainda não aconteceu não é porque você está falhando em algum ponto. Pelo contrário, você está acertando a cada minuto do caminho e isso é percebido pela consciência do espírito que observa a vida de novas maneiras a cada instante vivido. Há acertos porque você está em um estado de vir a ser e isso exige de você uma sintonia cada vez mais clara e ajustada.

A realização está em um ponto do caminho que as outras partes de si mesmo, dentro da dimensionalidade do seu ser, já estão vivenciando neste momento. E por isso a sua imaginação é cada vez mais rica de detalhes, pois o espírito enxerga com maior nitidez o desenho e as sensações de uma manifestação que está por vir a ser.

Alguma parte de você está agora experimentando algo que você vem desejando desde ontem ou há muito tempo... Então, suas sensações estão sendo niveladas com você mesmo, por isso, muitas vezes, essas emoções são tão intensas devido à comunicação que há entre você e todo o universo dimensional que envolve o seu ser eterno.

E quando você se sente feliz e confiante, você se alinha àquela realidade que se ajusta ao nível das emoções de uma parte sua que está em plena manifestação. Quando você faz afirmativas à respeito da sua vida e formula suas crenças você está se alinhando e indo no rastro de uma realidade costurada ao seu modo de ser e viver em algum ponto do caminho.

O mesmo ocorre com a sua imaginação, quanto mais detalhada ela for, mais emoções ela irá imprimir no seu espírito e mais nivelado você vai ficando no caminho que o leva à manifestação pretendida pelo seu coração.

A fonte da sua luz está sempre realizada e bem aventurada com o agora. E quando pedimos por algo, esse pedido reflete a essência de toda carência. O alinhamento com a plenitude de nossa divindade começa quando estamos seguros de que aquilo que é desejado é garantidamente nosso. O alinhamento ocorre quando, grato, você se sente beneficiado pelo percurso que está lhe encaminhando para a conclusão de uma realização.

Não se preocupe com o tempo nem com o processo de espera para a realização de seus desejos. Está tudo em perfeito equilíbrio e desde que o seu desejo invadiu o seu coração como uma música que não para de tocar; desde então, esta vida já é uma realidade apesar de ainda estar existindo nas entrelinhas ocultas da sua estrada.

Observe e sorria, você está caminhando por um percurso com um final feliz.

A manifestação da realização não é o objetivo final e sim a consciência ampliada que vamos adquirindo caminhando... Vamos percebendo os fragmentos de emoções advindas de partes de nós mesmos que já passaram pelo caminho que estamos trilhando.

E quando você sente que está no ponto perfeito de sua existência, quando nada estiver faltando, quando até seus pedidos se calarem e quando você puder dizer a si mesmo: “Aqui está bom, estou contente por estar caminhando por este ponto da estrada... Me sinto grato por estar vivo neste exato tempo e espaço da minha existência.” Então, você estará se alinhando com um desejo realizado em seu percurso.

E você agradecerá pela posse natural de poder escolher e selecionar o que vai pensar e imaginar para a sua vida. Seus sentimentos serão direcionados pelas suas atuais escolhas e a cada passo do caminho mais sintonizado você estará por estar influenciando tudo à sua volta de forma que nada poderá estancar o fluxo do seu poder criador.

Você se sentirá grato pela dádiva de estar vivo em um planeta onde todos os seres vivos possuem o livre arbítrio. E você sentirá que faz parte de uma era de liberdade onde a sua felicidade é fundamental por ser a raiz de qualquer forma de amor.

Você sentirá com gratidão que o universo, muitas vezes, cessa todas as suas iniciativas externas e direciona sua força para a realização do seu único desejo. E como um Deus inteligente, a sua dimensionalidade particular produz uma teia que liga um acontecimento ao outro através do poder do seu desejo genuíno. E você, como observador da manifestação, é o ator principal do seu próprio milagre.

O Deus que você é nunca foi tão feliz como está sendo através da sua parte física que possui o dom da LIBERDADE de direcionar a sua vibração para onde quiser...

Aproveite esta dádiva!

TERAPIA FLORAL PARA ORGANIZAÇÕES


TERAPIA FLORAL PARA ORGANIZAÇÕES : A MEDICINA DO FUTURO



Os florais podem se tornar uma boa opção às organizações no desenvolvimento de seus profissionais.

Algumas empresas já vem adotando a terapia floral como alternativa para agregar mais qualidade de vida aos seus funcionários, e muitos executivos buscam, por iniciativa própria, essa terapia natural para melhorar sua performance profissional e pessoal. E essa prática tende a crescer nos ambientes organizacionais, porque, de fato, traz resultados às pessoas, devolvendo a auto-estima, o entusiasmo, a criatividade, o poder pessoal, a clareza de propósitos, a liderança. Mais do que isso: a terapia floral, por ser um potente e rápido instrumento para restituir o equilíbrio emocional – tão necessário num mundo globalizado de acirrada competição - , previne doenças.

Essa é uma das conclusões a que chegaram os participantes da 6a. Conferência Internacional de Essências Florais, que reuniu, recentemente, cerca de 400 terapeutas e especialistas em Campos do Jordão. Entre eles, muitos médicos, botânicos, farmacêuticos, homeopatas, psicólogos, consultores organizacionais, que adotaram os florais como alternativa de cura em seu trabalho. E todos são unânimes em dizer que a adoção dos florais é a medicina do futuro.

Uma prática que começou na década de 20, na Inglaterra, através das pesquisas do médico Edward Bach, os florais de Bach são o sistema mais conhecido, mas a partir dos anos 80 essa prática ganhou força no mundo todo, e muitos sistemas florais foram desenvolvidos. A 6a. Conferência Internacional conseguiu a proeza de reunir os principais produtores de florais do mundo. Além dos atuais produtores de florais de Bach, também compartilharam experiências os produtores dos florais do Alaska, da Califórnia, da Austrália, da Holanda, do Canadá, entre outros. O Brasil foi representado por muitos pesquisadores e produtores. Como o país tem exuberante flora, também possui exuberância na produção de sistemas florais: são mais de 20 sistemas, a maioria ainda pouco conhecidos do público. Em comum, todos esses sistemas florais bebem da mesma fonte inspiradora: das pesquisas de Bach, a exemplos das várias correntes da psicologia, que bebem da primeira fonte, de Freud.

A médica homeopata e terapeuta floral Carmem Monari, por exemplo, é uma entusiasta das pesquisas de Bach. "Apesar de toda a evolução científica, a terapia floral nos permite conectar com o curar-te a ti mesmo, com consciência e responsabilidade", diz Carmem. A terapia floral, segundo os especialistas, resgata um princípio fundamental da medicina, emanada pelo pai da medicina, Hipócrates, hoje bastante esquecida pela maioria dos médicos. Ele dizia que todo ser humano tem uma força curativa natural, que habita dentro dele, e essa força pode ser traduzida por confiança, fé, amor e conhecimento. Também apregoava que o paciente deveria ser visto como um todo, corpo e alma. E desafiava: "O médico que não entender da alma humana, não entenderá nada do corpo".

Os florais – todos os sistemas – tratam da alma, das emoções, dos desequilíbrios, das nossas sombras: os medos, as ansiedades, as angústias, as depressões, as tristezas, as mágoas, os apegos, as raivas. E como a medicina hoje já admite que quase todas as doenças físicas têm origem emocional, os florais podem ser potente preventivo. A terapeuta Claudia Stern, da Argentina, conclui: "Apesar dos avanços da medicina, os tratamentos preventivos, tradicionais, têm fracassado no mundo todo. E é por isso que a humanidade gasta anualmente 320 bilhões de dólares em remédios".

Todos os especialistas reunidos são também unânimes em dizer que a medicina alopática é importante, fundamental, aos seres humanos, mas ela não trata da causa primeira da doença, só da conseqüência, da moléstia instalada, sem enxergar a causa emocional, sem ver a "alma" do paciente, que, de fato, gerou a doença. É aí que a terapia floral pode atuar e ser um complemento importante do tratamento alopático; e é o que fazem muitos médicos atualmente. Um deles foi mais longe. O médico Marco Menelau há 15 anos vinha pesquisando florais e, mais recentemente, está aliando florais com tratamento alopático. Os resultados são tão expressivos que ele desenvolveu seus próprios florais, lançados na 6a. Conferência, chamados Florais do Nordeste. Pernambucano, ele faz seus remédios naturais das flores da zona da mata e do agreste . "Os florais são remédios vibracionais que atuam no emocional e no mental da pessoa, ajudando muito o tratamento. Até em estados de infecção ou como analgésico, e em várias emergências médicas, eu ministro os meus florais. E faço isso com tranqüilidade porque sei dos resultados, através de anos de pesquisas em ambulatório médico. É uma ferramenta a mais para o médico", diz.

Outra pesquisadora, a terapeuta Maria Grillo, produtora dos Florais de Gaia, concorda com Menelau e dá outros resultados. Ela faz um trabalho bastante conseqüente em comunidades carentes, utilizando seus florais. Numa creche de crianças carentes, por exemplo, ela constatou que muitas eram acometidas de doenças constantes como pneumonia, bronquite, diarréia, gripes, febres, entre outras. Com o consentimento da direção da creche, ela introduziu os florais, que foram colocados na comida das crianças. Os resultados foram surpreendentes. A creche gastava, em média, R$ 50,00 em remédio por criança. Em um ano de tratamento com florais, o custo/medicamentos por criança caiu para R$ 5,23. "A carência afetiva provoca muitas doenças. Depois que as crianças começaram a tomar os florais, todas as doenças foram reduzidas", contata Maria.

Um dos organizadores da 6a. Conferência, o consultor de empresas, escritor e terapeuta floral Gustavo Boog, não tem dúvida alguma sobre os benefícios dos florais. Com vários livros escritos sobre a utilização dos florais nas organizações, Boog tem pesquisado o poder transformador desse tratamento dentro das empresas. "E um instrumento que visa ao crescimento e ao desenvolvimento dos indivíduos e da empresa. E traz de volta o equilíbrio emocional, tão importante em tomadas de decisão e para o desempenho profissional", comenta Boog. Mas ele mostra que ainda existem alguns desafios para que a terapia floral seja mais reconhecida dentro das organizações, como instrumento de ampliação de performance: "É preciso convencer a direção da organização a investir mais no desenvolvimento das pessoas; é preciso assegurar a continuidade do processo; é necessário superar os obstáculos da área médica da organização e preparar os profissionais para que integrem o conhecimento da terapia floral com os processos de desenvolvimento coletivos", diz Boog. Um bom desafio para os profissionais de recursos humanos.

Matéria publicada na Revista RH em Síntese, n.º 34, Maio/Junho 2000



TERAPIA FLORAL – ATENDIMENTO RUA TOMÉ DE SOUZA, 181 – CITY LAPA E ATENDEMOS TAMBÉM DIRETAMENTE NA EMPRESA.

Agendamento pelo Telefone: 3649-3333 com Márcia Delgado